Amor e respeito: aprenda 9 dicas para evitar ciclos insanos nos relacionamentos

Nós já ouvimos muitas vezes sobre o ciclo insano dos relacionamentos, e sempre escutamos histórias de pessoas que passam por momentos complicados, e muitas vezes essas pessoas não entendem porque o relacionamento delas chega a tal ponto.

O livro Amor e Respeito, do Emerson Eggerichrs fala que só o amor não basta. Enquanto a mulher deseja amor, o homem precisa de respeito. E é exatamente sobre isso que vamos falar hoje, preste bastante atenção!

Antes de qualquer coisa, me responda essas duas perguntas: Qual o ciclo de um relacionamento? O que leva os relacionamentos a um ciclo insano, ou vicioso?

Esse ciclo insano dos relacionamentos não diz respeito apenas a relacionamento entre homens e mulheres e casais, mas também entre famílias, amigos, e outros convívios que acabam se tornando tóxicos se mal administrados.

Qual a base de um relacionamento? O que faz com que casamentos durem diferes bodas?

O fato é que a base de um relacionamento é o amor e o respeito. Se não tiver essas duas peças fundamentais, acaba desgastando e destruindo a harmonia presente na relação.

Você quer descobrir mais sobre o ciclo insano dos relacionamentos? Então acompanhe esse artigo, e veja pontos interessantes, e que vão te fazer refletir sobre esse assunto. Quem sabe através dessa nossa conversa, você descubra que está vivendo um ciclo insano em seu relacionamento?

Afinal, o que é o ciclo insano dos relacionamentos?

O ciclo insano dos relacionamentos é quando entramos numa dinâmica de padrões de comportamento que são nocivos para nós mesmos, e também para pessoas com quem nos relacionamos.

Isso pode acontecer em um ambiente familiar, no trabalho e mesmo na relação íntima amorosa com seu parceiro. É nessa hora que voltamos a fazer as mesmas coisas de sempre, como ter dependência excessiva da pessoa amada, brigar, ou fazer outro tipo de jogo que não faz ninguém feliz.

Mas é possível mudar esses padrões, apenas precisamos estar conscientes de que os padrões mentais são difíceis de serem mudados e requerem muita força de vontade da pessoa e apoio dos familiares.

Qual a maneira que você busca demonstrar seus sentimentos, angústias ou intrigas? Você é o tipo de pessoa que busca sentar e conversar, ou prefere guardar todos os seus sentimentos até acabar explodindo?

Muitos relacionamentos acabam vivendo uma separação por conta desses ápices que desestabilizam as relações, e que atrapalham os relacionamentos de continuarem. Nós, seres humanos, muitas vezes nos achamos os donos da razão, e não sabemos como chegamos no ponto de entrar em um ciclo insano e vicioso.

Existem várias premissas para fazer esses relacionamentos saírem do ciclo insano e começarem a desfrutar o ciclo energético, e hoje vamos falar um pouco mais sobre isso, principalmente sobre como o amor e o respeito são a base para um relacionamento saudável e duradouro.

Amor e Respeito. Eles precisam andar juntos!

Até que ponto é amor e respeito? O que diferencia um sentimento real, de um sentimento desesperador e sufocante? Muitas pessoas acabam se aprofundando de tal forma, que perdem a essência de amor e respeito, e a partir do momento que eles deixam de andar juntos, o ciclo insano dos relacionamentos começa.

No dicionário, a definição de Amor é: forte afeição por outra pessoa, nascida de laços de consanguinidade ou de relações sociais. Já respeito, temos como significado: Ato ou efeito de respeitar-se. Consideração, deferência, reverência.

As pessoas precisam não só entender o significado que o dicionário traz a respeito desses sentimentos, mas também precisam seguir à risca cada um deles. Assim, o relacionamento passará a dar certo.

Por que amar é tão importante?

Quem nunca sonhou com um amor que nos faça flutuar, que seja tudo o que esperamos na vida? Encontrar o amor épico é o sonho de qualquer pessoa, e muitas vezes nos deixamos levar por um amor surreal, e na prática, acabamos nos decepcionando e vendo que não é bem isso.

Isso ocorre bastante com aquelas pessoas que já viram problemas em relacionamento familiar, em pais ou avós se separando, e se prendem na ideia de nunca querer que isso aconteça com o relacionamento deles. E no final, acabam vivenciando um amor cheio de medo e culpa, e anos depois, acabam se deparando ao lado de uma pessoa que não ama, que não lhe faz bem.

Isso nos leva a um questionário muito forte, por que acontece isso? O que faz com que as pessoas esqueçam o que é amor? Qual a dificuldade que há na comunicação que faça com que haja um ciclo insano dos relacionamentos?

Por que respeitar o outro é tão importante?  

Quantas vezes acabamos nos metendo em brigas por assuntos banais, por coisas que normalmente não brigaríamos, mas que por acúmulo de estresse acabamos descontando na pessoa ao lado?

Por exemplo, quando uma mulher fala que quer comprar uma roupa nova, e o homem crítica, falando que não precisa disso, e que essas vaidades da mulher são sem noção e totalmente desnecessários.

E quantas vezes as mulheres brigam com seus maridos porque ele foi jogar bola com os amigos, ou fazer um happy hour depois de um dia de serviço?

Durante o relacionamento, as pessoas perdem o sentido de respeito mútuo, e é muito comum para um criticar e mostrar as falhas um do outro, e tudo isso é um problema na comunicação, porque as pessoas não acreditam que é possível que uma pessoa seja tão diferente de você.

Um homem não pensa como uma mulher, e nem vice-versa, e não é por isso que um ou outro está errado. Não há certo ou errado em um relacionamento, o que precisa ter é o respeito um pelo outro, porque, com o respeito, o relacionamento irá chegar longe, e com o mínimo de conflito possível.

Como levo esse mesmo amor e respeito para outros relacionamentos existentes na minha vida?

Eu falei muito de relacionamento entre um casal, mas o ciclo insano dos relacionamentos vai muito além disso. Todos os dias nos deparamos com histórias de tragédias familiar, ou de algum desentendimento em nossa família, não é mesmo?

Quantas vezes brigamos com nossos pais por causa de um motivo banal, que para nós faz algum sentido, e para eles é a pior coisa do mundo?

Torno a dizer, o erro das pessoas é não se preocupar com o amor e o respeito em uma relação. E qualquer relação seja ela amorosa, familiar ou profissional, precisa ser baseada no amor e respeito ao próximo.

Como ter uma vida melhor com as pessoas que vivemos

É preciso dar um primeiro passo no sentido de deixar os outros viverem suas vidas e prestar a atenção à sua própria vida e nas coisas que você gosta de fazer. Não sufoque seu parceiro, dê espaço para ele e espaço para você mesmo viver sua vida do seu jeito.

Claro que em todo relacionamento há um limite do que deve ser aceito ou não do comportamento do outro. Se o comportamento da outra pessoa é nocivo para você, é você quem precisa tomar uma atitude no sentido de saber se aquilo pode ser aceitável ou não. E de como levar esse relacionamento adiante, se caso achar que é possível.

Lembre-se que o modo como as pessoas te tratam é também uma informação sobre você, no sentido de que se você é tratado de certa maneira, é por que algo em você atrai esse tipo de comportamento. Ou você aceita demais, ou é muito rígido em determinadas situações.

É o momento de você amar e respeitar mais, faça a diferença no mundo.

Durante toda essa conversa que tivemos aqui, foi debatido a importância do amor e do respeito dentro dos relacionamentos, não é mesmo? Então agora, é o momento de você colocar em prática o verdadeiro amor e o verdadeiro respeito em todos os relacionamentos da sua vida, é hora de você fazer a diferença no mundo!

Você já ouviu falar em amor próprio e respeito próprio? Provavelmente alguma amiga ou amigo já te disse sobre isso, e outros livros de autoajuda também costumam falar muito sobre essas duas palavras-chave.

Como eu adquiro amor próprio?

Se você quer mais amor e respeito no momento, comece por si mesmo. Comece a se amar mais, a se respeitar, e a ser feliz consigo mesmo. Para uma pessoa ser feliz ao lado de outra, em qualquer relacionamento, é preciso que ela saiba se amar.

Hoje em dia é difícil alguém que tenha uma autoestima elevada, e amor próprio, e acredite, esse é um dos grandes erros das pessoas.

A falta de amor e respeito pelo seu próprio corpo e vivencias leva essas pessoas a viverem momentos de desarmonia consigo, e por esses motivos acabam se tornando infelizes nos relacionamentos e culpando o próximo por algo ruim que aconteça.

Quer adquirir amor próprio? Se arrume mais, faça coisas sozinha (o), aprenda a ter um momento só seu, e não se sentir sozinho por isso. Além disso, uma ótima opção para quem deseja adquirir mais amor próprio e se conhecer mais, é começar a fazer terapia, ou procurar um coach especializado nesse assunto.

Você já está pronto para distribuir amor e respeito ao próximo! (:

A partir do momento que você passar a se amar e se respeitar, você estará pronta (o) para distribuir amor e respeito para todos as suas voltas, e a partir desse momento, pode apostar, tudo na sua vida começará a dar certo.

E se vale a dica, não prenda a mudança apenas para si próprio, distribua todos esses aprendizados para as pessoas ao se redor. Mudar é bom, mas mudar e fazer com que as pessoas que estão ao seu redor mudem contigo, é ainda melhor, não é mesmo?

Agora que você já sabe como distribuir amor e respeito ao próximo, faça o possível para melhorar dia após dia, e nada de voltar à estaca zero, combinado?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *